Como Fazer Roteiro para os seus Vídeos

Como Fazer Roteiro para os seus Vídeos
24 de julho de 2016 Vitor Alli

 

Como Fazer Roteiro para os seus Vídeos

Roteiro é um dos temas mais pedidos aqui no Falar pra Câmera.

E é um tema que eu gosto muito de tratar porque ele é pra mim uma das ferramentas fundamentais do audiovisual.

É a partir do roteiro que você pode comunicar as suas ideias com mais clareza para o seu público e para a sua equipe.

Mas tem algumas crenças limitantes sobre scripts que eu resolvi desfazer hoje para você.

Recomendo que você leia este texto como complemento do vídeo abaixo. Ou seja: Leia o Texto e Assista ao Vídeo!


(https://www.youtube.com/watch?v=22mXbYAlIkM)

Vamos, portanto às principais liçoes e crenças sobre fazer roteiros:

1. Roteiro não é a transcrição exata do seu vídeo
Roteiro é uma rota. Ou seja, uma ferramenta que traça um planejamento. É uma preparação. Uma ajuda para você.

Cadastre-se e acesse os conteúdos VIP's

Significa que você não precisa necessariamente falar todas as palavras que estão lá, 100%, ou fazer tudo exatamente como escreveu.

Coisas acontecem, a gente tem que estar aberto para flexibilizar as nossas açoes. Lidar com o caos e o imprevisto. Ou mesmo com as nossas limitaçoes.

2. O roteiro SEMPRE vai te ajudar
Lembrando que quando falo de roteiro eu realmente me refiro a uma rota.

Se você escrever sobre o tema, ou listar tópicos, ou registrar as suas ideias em um papel. Se você fizer o mínimo de preparação do seu conteúdo, você já está traçando uma rota. E é isso que é fundamental.

3. Mas você nem sempre precisa fazer um ROTEIRO
O estilo de roteiro que você vai fazer depende do seu projeto. Não caia nessa de que você TEM QUE SEMPRE fazer algo. Não. Confia no teu taco. Faz o que te deixa mais confortável.

Eu sempre conto essa história: Eu adoraria ser uma pessoa mega organizada, que consegue usar cores para tudo, pastas coloridas, marcadores… mas eu não sou assim. E eu só consegui de fato organizar o meu dia-a-dia de forma eficiente quando eu assumi isso e aceitei os meus próprios métodos de organização. Simples como são, do jeito que são.

Se você faz um roteiro maluco, uma lista, um troço que só você entende, tudo bem. Faz o que achar mais interessante pra você.

Lembre-se: pensar sobre o seu conteúdo, fazer um roteiro, vai simplesmente:

– Fazer você falar mais claramente
– Deixar seu conteúdo mais direto
– Te dar mais controle para ser mais criativo com o seu conteúdo
– Acelerar o seu SET de gravação
– Te ajudar a gravar mais vídeos em menos tempo 😉

Espero que com essas dicas você já comece a fazer vídeos melhores agora mesmo!

Você sabe que pode contar comigo e eu quero ouvir sua opinião!

Como você tem feito seus vídeos? Com ou sem roteiro?
E no caso de ser com roteiro, como você tem criado os seus?

Quero saber!

Shares

Pin It on Pinterest

APRENDA A INVESTIR NOS EQUIPAMENTOS CERTOS COM ESSE CURSO GRATUITO

x